Poejada

Maria Gertrudes Fadista Charneca, Escoural, 14-01-2016 Leva-se ao lume um pouco de azeite com alho, louro, sal e uma boa quantidade de poejos migados. Deixa-se refogar. Junta-se água. Pode comer-se assim ou com sopas de pão ...